Sindicalistas

Sindicalistas costumam ignorar os fatos e derramar lágrimas de crocodilo pelos trabalhadores, pressionando por uma agenda de leis rígidas e combate a qualquer tentativa de automatização. Eles fazem isso tanto para preservar seus próprios privilégios quanto por uma mentalidade atrasada mesmo.

No entanto, as evidências internacionais mostram claramente que países mais livres e produtivos tem não apenas índices mais baixos de desemprego como também salários e empregos melhores. O quadro abaixo compara os dados do Brasil com a média dos 5 grandes países ricos com as leis mais flexíveis (EUA, Japão, Inglaterra, Alemanha, Coreia). Lá, apesar das regras não preverem tanta "proteção" quanto existe no Brasil e apesar de haver 28 vezes mais robôs, o índice de desemprego é menos da metade.

Caminho para o desenvolvimento: boa educação, alta produtividade, muita automação, regras simples e flexíveis, liberdade para negociação de condições de trabalho
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e texto

Data: 18/01/2017 - Fonte: https://www.facebook.com/rankingpoliticos/photos/a.256607937790924.57371.188272077957844/11578583609

Voltar